INED no VII Seminário Pedagógico da UEM

34

O Instituto Nacional de Educação à Distância – INED participou de 04 à 06 de Julho de 2018 no “VII Seminário Pedagógico” da Universidade Eduardo Mondlane – UEM, cujo lema foi: UEM – Promovendo a Investigação e Inovação Pedagógica no Processo de Ensino/aprendizagem

O evento juntou docentes daquela Universidade e doutras incluindo técnicos do Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano e de várias outras instituições convidadas para o efeito, tendo como objectivos:

  • Avaliar o grau de cumprimento das recomendações do VI Seminário Pedagógico;
  • Reflectir sobre a investigação e inovação pedagógica como alicerces para a melhoria dos processos de ensino-aprendizagem;
  • Reflectir sobre a utilização de tecnologias de informação e comunicação (TIC) no processo de ensino-aprendizagem;
  • Avaliar o grau de implementação dos instrumentos de gestão pedagógica e;
  • Analisar práticas pedagógicas à luz de uma universidade de investigação.

Não obstante os objectivos atrás apresentados, o seminário tinha como desafio da academia “melhorar a gestão pedagógica e implementar bons modelos de gestão no contexto de uma Universidade de investigação”.

O seminário começou com o Prof. Doutor Orlando António Quilambo, Magnífico Reitor da UEM, a destacar a importância do evento como plataforma de reflexão colectiva sobre o processo de Ensino/aprendizagem considerando o seminário pedagógico uma oficina ideal na perspectiva de melhoria da qualidade de ensino naquela Universidade, pois na sua óptica, não há ensino sem investigação nem investigação sem ensino.

Para o Magnífico Reitor, a comunidade académica deverá receber a melhor orientação sobre como fazer da investigação o alicerce do processo de ensino/aprendizagem e que práticas pedagógicas são mais adequadas para a Universidade de modo a contribuir melhor para o desenvolvimento económico e sociocultural do país.

O Prof. Doutor José de Sousa Miguel Lopes da Universidade do Estado de Minas Gerais do Brasil abordando o tema “Gestão Pedagógica no Contexto de uma Universidade de Investigação” referiu que a formação profissional de educadores era muito importante havendo, no entanto, dificuldades de se romper com os modelos tradicionais de ensino/aprendizagem por não ser fácil sair da zona de conforto para abraçar o que se apresenta.

Para Miguel Lopes os professores devem estar envolvidos na pesquisa das suas próprias cartas e que as condições estruturais são imprescindíveis no processo de Pesquisa-Acção, sendo necessário o estabelecimento de um programa de apoio à participação de docentes em eventos científicos a nacional e internacional para efeitos de divulgação dos resultados de investigação, bem como deve existir um boletim de pesquisa electrónico para a divulgação de informações relacionadas com o pesquisado, acrescentando também a necessidade de realização de intercâmbios com outras instituições sobre os estudos, incluindo a realização de seminários de pesquisa de extensão promovida anualmente.

Por reconhecer a importância do evento o Prof. Doutor Orlando António Quilambo, Magnífico Reitor da UEM, agradeceu à Direcção Pedagógica que de tudo fez para que o seminário fosse uma realidade, bem como a todos os presentes marcando o desafio de em 2020, voltar a encontrar-se com todos para um novo seminário de mesma índole.